Notícias

Cantora e compositora Mara Rita homenageia clássicos do samba e a MPB no Café Literário

26/09/2015 - Marina Bitar/Governo do Tocantins

Na noite desta sexta-feira, 25, a cantora e compositora Mara Rita, acompanhada dos músicos João Lucas no pandeiro, José Henrique no cavaquinho e Danilo no violão, emocionou o público do Café Literário com clássicos da MPB e do samba carioca.

Comemorando 50 anos de música em sua vida, a artista carioca, que mora há 22 anos no Tocantins e aqui fez sua casa, relembrou sucessos como Flor de Lis, de Beth Carvalho, Charlie Brown, de Benito Di Paula, Canteiros, do Fagner, Ser Humano, de Zeca Pagodinho, e Retalhos de Cetim, também de Benito Di Paula, que a cantora considera um dos sambas mais lindos já escritos.

O secretário da Cultura, Melck Aquino, esteve presente para prestigiar o show, assim como a Superintendente de Desenvolvimento da Cultura, Sabrina Fittipaldi, que foi convidada para subir ao palco para tocar o pandeiro.

A cantora agradeceu a plateia e afirmou que momentos como o do Café Literário são importantes pois estão cheios de arte, literatura e cultura. “É com muita emoção que estou com vocês aqui nesse momento. Obrigada Secult e Seduc pela oportunidade”, disse.

Mara Rita também homenageou amigos durante o show, como o sanfoneiro tocantinense Zé Lourinho, tocando a música Asa Branca, de Luiz Gonzaga.